Grupo de players inicia “greve” no MMO Foxhole, “congelando” diversas atividades e mandando recado para os devs

Publicado em 19/01/2022 - 07h59 por Yohan Bravo

Para quem não conhece, Foxhole é um MMO sandbox que simula experiências de guerra e conta com algumas mecânicas que colocam milhares de players trabalhando em prol de alguns objetivos comuns. Por conta dessa proposta, o game exige que os players realizem suas funções ou certos aspectos da jogatina poderão ser prejudicados. E parece que um grupo de players insatisfeitos com o estado do game resolveu usar as particularidades do título contra os devs, iniciando assim uma grande “greve” e exigindo mudanças… vamos entender melhor essa história?

Enfrentando lag pesado em jogos online?
  • Experimente gratuitamente o ExitLag, programa criado especificamente para reduzir o lag e melhorar a conexão em jogos online. Aproveite a promoção e garanta 20% de desconto com o Cupom: MMORPGBR ao contratar quaisquer um dos planos. Clique aqui e experimente!

De acordo com as informações, após algumas atualizações liberadas pelos devs da Siege Camp, muitos players de Foxhole passaram a reclamar das mudanças, mas parece que suas opiniões foram ignoradas. Daí, um grupo de players, chamado LOGI (dentro do jogo), criou um plano para exigir mudanças de uma forma bem original. Por conta das particularidades do jogo, quando muitos players se unem para realizar algo ou deixar de realizar, é possível que a “jogatina pare”, já que existe uma cadeia de suprimentos que, como na vida real, precisa estar sempre sendo municiada.

Assim, os membros do LOGI, cerca de 1800 jogadores, deram início a uma grande greve, deixando de contribuir para as cadeias de suprimento. Se os devs não atenderem aos pedidos feitos pelo grupo, logo a experiência geral do game vai ser prejudicada e os outros players acabarão ficando frustrados, podendo até abandonar o jogo. Em outras palavras, usando “o feitiço contra o próprio feiticeiro”, alguns players de Foxhole conseguiram colocar o pessoal da Siege Camp “contra a parede”. E não, os devs não poderão fazer muita coisa, a não ser dar ouvidos às reclamações e promover as mudanças, visto que não há margem para banimentos. Enfim, vale a pena a gente ficar de olho nos desfechos dessa história curiosa.


Oferta imperdível!!