Com mais de 8 milhões de contas banidas ou bloqueadas, MIR4 também parece ser um “fenômenos dos bots”

Publicado em 18/01/2022 - 09h29 por Yohan Bravo

Em diversas publicações que foram liberadas aqui no MMORPGBR, fizemos questão de destacar que o MMORPG MIR4, da Wemade, quebrou diversos recordes, no que tange ao número de jogadores se dedicando à aventura de forma simultânea. Por conta desses resultados, passei a considerar o game como um verdadeiro fenômeno da indústria. Contudo, dessa vez, resolvi chamar a atenção para outra marca fenomenal alcançada pelo jogo. Infelizmente, uma marca que não é nada positiva… bora conferir os dados?

Enfrentando lag pesado em jogos online?
  • Experimente gratuitamente o ExitLag, programa criado especificamente para reduzir o lag e melhorar a conexão em jogos online. Aproveite a promoção e garanta 20% de desconto com o Cupom: MMORPGBR ao contratar quaisquer um dos planos. Clique aqui e experimente!

Neste último fim de semana, por meio de um comunicado oficial, a Wemade confirmou que já baniu ou bloqueou um total de 8.052.661 contas. Na nota, há uma observação interessante que revela o motivo pelo qual essas contas foram punidas: uso de programas não autorizados e violação da política operacional. Em outras palavras, MIR4 é um fenômeno, tanto por conta do número de jogadores simultâneos, quanto pela gigantesca quantidade de bots. Lembrando que alguns dias após o natal o número de contas banidas havia chegado à marca de 7 milhões, ou seja, em poucas semanas, mais de 1 milhão de contas já foram adicionadas a esse total.

Como não poderia deixar de ser, esses números acabam dando munição para aqueles que criticam os jogos Play-To-Earn, já que esse grupo sempre faz questão de mencionar que a possibilidade de ganhar dinheiro acaba motivando as pessoas a fazerem uso de bots e outros programas para aumentar os ganhos, o que, por consequência, prejudica a experiência dos players que também querem se divertir. E é isso! MIR4 é um grande sucesso, mas também está sofrendo com infratores que seguem fazendo uso de recursos ilegais para tentar faturar mais. Aliás, a Wemade prometeu que iria combater essas ocorrências, mas os números são tão assustadores que a equipe de desenvolvimento parece não estar dando conta.


Oferta imperdível!!