Blizzard perdeu mais 2 milhões de players ativos apenas em três meses e teve grande queda na sua receita

Publicado em 26/04/2022 - 08h47 por Yohan Bravo

No que diz respeito às maiores empresas do mundo dos games, a publicação de relatórios financeiros acaba se tornando uma forma de dar a todos uma ideia sobre como as coisas estão indo. E sim, já faz um tempo que a Blizzard tem sido monitorada de perto pelos fãs. Afinal, os documentos liberados desde o ano passado indicaram que a empresa está em uma tendência de queda, no que diz respeito à quantidade de players ativos. Aliás, um novo relatório surgiu para consolidar ainda mais essa tendência… vamos conferir os dados?

Enfrentando lag pesado em jogos online?
  • Experimente gratuitamente o ExitLag, programa criado especificamente para reduzir o lag e melhorar a conexão em jogos online. Aproveite a promoção e garanta 20% de desconto com o Cupom: MMORPGBR ao contratar quaisquer um dos planos. Clique aqui e experimente!

Foi ontem, 25 de abril, que a Blizzard apresentou o relatório financeiro relacionado com o primeiro trimestre de 2022. Dessa vez, ao contrário do que aconteceu em relatórios anteriores, além da perda de players ativos, a empresa também registrou uma grande queda em sua receita. Isso mesmo! Para você ter uma ideia, no primeiro trimestre de 2021 foram acumulados 483 milhões de dólares, enquanto no primeiro trimestre deste ano, o acúmulo ficou na casa dos 274 milhões de dólares. Sim, essa é uma queda bem relevante e os gestores mencionaram que os números são o reflexo do fim do ciclo de certas franquias.

Agora, no que diz respeito à quantidade de players ativos, a empresa viu os números despencarem de 24 milhões (último trimestre de 2021) para 22 milhões. Isto é, em três meses, a Blizzard já perdeu mais 2 milhões de players ativos. Cabe destacar também que todo o grupo Activision Blizzard King registrou números insatisfatórios e deverá continuar assim, a não ser que os projetos em desenvolvimento sejam liberados logo. Lembrando que o processo de aquisição do grupo, por parte da Microsoft, segue em fase de aprovação. Enfim, o declínio da gigante da indústria está ficando cada vez mais evidente. Será que a “nova dona” vai melhorar esse quadro?


Oferta imperdível!!