“Riders of Icarus: Ranger’s Fury” chegará em dezembro trazendo classe Ranger

Publicado em 30/11/2016 - 21h25 por Márlon Vieira

Os jogadores de “Riders of Icarus” terão uma grande novidade em breve. A atualização Ranger’s Fury, que trará uma nova classe para o jogo, será lançada no dia 15 de dezembro.

Os Rangers são agentes secretos da ordem Onyx que lutam utilizando uma combinação de ataques a distância, combate melee e skills especiais.

O jogador poderá optar por focar o seu treinamento em um dos três tipos de arma: Vambrace, Arco ou Chaos skills. A Vambrace é uma arma melee focada em controle de multidões, já o arco é a arma ideal para quem prefere combate a distância e as skills Chaos dão dano contínuo nos inimigos, habilidade de curar os aliados e a possibilidade de dar buffs e debuffs nos outros jogadores.

Entre outras novidades do update estão o novo level máximo que irá subir para 50, um novo bioma de deserto e novos familiares. Quem tiver um personagem de level 15 ou acima no jogo poderá se cadastrar para o lançamento da nova classe até o dia 9 de dezembro para receber um pacote especial com 7 dias de premium, um traje de ranger, uma skin de arma, 7 baús de Ellum, um Talismã Heat Wave e um voucher de beleza para mudar a aparência do personagem.

  • Caio Henrique

    Um jogo que tinha um grande potencial, pena que o estilo de combate é fraco.

  • Helder

    Seria sacanagem chamar esse jogo de Pay to Win e sair andando, mas a verdade é que eu estou de saco cheio de jogos que vendem alguma vantagem “vip” com sistema de mensalidades (Vip/Elite/Patron essas merdas aí). Por menor que ela seja, se o cara tem noção de como o mercado funciona essas vantagens viram Pay To Win SIM, por mais que certas pessoas queiram defender. Sem contar que jogos Free sempre terão uma loja cash mais “agressiva”.

    Agora, explicando a “sacanagem” de simplesmente rotular de Pay To Win e sair andando, é porque as empresas desenvolvem os jogos não pensando na sua diversão, a diversão faz parte de um processo de engajamento para as pessoas, doravante chamadas clientes, continuarem usando seus PRODUTOS; sim, produtos. Afinal, para a empresa seu jogo favorito não passa de um produto que precisa ser vendido. Logo, ela precisa de dinheiro para manter o jogo em si e pagar seus funcionários para continuar fazendo o produto atrativo para não perder seus clientes.

    Então, quem curte jogar jogos “Free to play” onde quem paga as mensalidades tem “vantagens”, sejam felizes; eu não tenho mais tempo nem saco para ver outros players serem melhores equipados ou com o mesmo item, mas conseguido com menor sofrência, porque tem mais dólares nos seus bolsos.

    Os jogos menos estressantes nesse quesito são: FFXIV Online (Mensalidade), Guild Wars 2 (B2P) e Elder Scrolls Online(B2P). Chega a ser um pleonasmo dizer isto, mas óbvio que o fato de tirar a renda de outras fontes os permite não possuir um “vip” vantajoso ou loja cash agressiva, a mensalidade já é um vip “obrigado a comprar”, dãã, really?

    *Ps: WoW não foi citado porque tem mensalidade mas se manjar dos paranauês faz-se gold com dinheiro real também. #entendedoresentenderao.

    Prevejo pessoas me dizendo:

    “Ah mas nestes jogos você já tem que desembolsar dinheiro real.” Eu responderia:

    “Sim sua anta, mas pelo menos estes jogos já deixam escancarado que vai ter que desembolsar para usufruir, mas depois in-game sera fair play; e não são jogos que aclamam ser F2P para te atrair e depois mostram a verdadeira face: q$.$p

    Mas… Isso tá errado? NÃO. Como explicado, o dinheiro tem que entrar de alguma forma, então você, meu caro jogador de Free to Play, você tem que dar suporte para a empresa do jogo que você gosta sim, e não ficar essa choradeira irritante de BR só pensando no Free, no Free, no Free! Se todo mundo jogar free o jogo deixa de existir sua mula.

    “Ah mas eu não tenho dinheiro sniff, sniff”; então não joga cacete. Ou jogue free to play sem chorar ou pelo menos jogue consciente de que o jogo que você gosta não é fair play.

    Enfim, tinha mais coisa para dizer mas esse comentário já está virando um artigo kkkk, finalizo por aqui.

    Consideração final: Essa opinião é particular minha, sobre a minha aversão de jogar Free To Play pelos motivos citados, uma vez que EU NÃO QUERO DAR SUPORTE para as empresas que são mentirosas e possuem loja cash agressiva. Atualmente sou jogador de single player que vale a pena e meu main game é FFXIV Online, o que posso dizer de boca cheia: 100% fair play.

    • É isso aconteceu com Ragnarök também, no começo era uma beleza no modelo de mensalidades, depois que deixaram o jogo grátis cresceu a quantidade de bots e implementaram o Rops dai ferrou tudo. Até não entendo porque no Brasil ainda faz tanto sucesso.

      Para mim todo jogo MMORPG deveria ser buy to play ou através de mensalidades.

      • Helder

        Nossa, se todos fossem no mínimo B2P, a qualidade dos jogos existentes seria outro nível. Mas jogos são produtos, então é óbvio que não existe F2P, isso é apenas merchandising, deixando os tais “F2P” com essas lojas cash ridiculamente mercenárias.

        • Drakohx

          acredito q exista jogos sim, F2P que não são P2W, ja joguei alguns jogos por exemplo que dentro do jogo vc trocava itens raros ou gold pela moeda paga e assim conseguia comprar da loja cash, entao msm q a loja vendesse alguns itens desequilibrados, qualquer pessoa q farmasse bem ja poderia comprar :v

          • Helder

            Não querendo desafiá-lo, me entenda, mas gostaria que você citasse nomes desses jogos que sejam F2P e não P2W. A única exceção a regra que conheço é Path of Exile. Espero que cite jogos renomados, que a maioria conhece.

            Quanto a população, quantas pessoas você chega a conhecer até na vida real? Pouco importa se o jogo transborda seus milhares e mais milhares. O que importa pra mim é a sustentabilidade que a empresa que produz o jogo passa. Sustentabilidade essa que é tanto melhor para a empresa como para o jogador no sistema B2P e/ou mensalidades.

            EU como JOGADOR ficaria mais feliz com a qualidade da comunidade do que com a quantidade. Se você ler meus outros posts vai saber que a minha opinião pessoal é que quem não tem condições de jogar nem jogue, ou jogue F2P sabendo que o dinheiro real vai estar no comércio do jogo; e mesmo no F2P o jogador tem mais do que a obrigação de dar suporte para a empresa, evitando assim seu fechamento. Entre outras coisas que é desnecessário repetir.

          • Drakohx

            eu atualmente to jogando aion e por enqnt n vi problemas, eve online e outro embora seja complicado de dizer q é f2p ja que o jogo tem uma especie de mensalidade q pode ser paga em cash ou em gold(se n me falha e memoria bns tbm n é p2w embora eu tenha jogado a mto tempo e posso estar me enganando).
            não me entenda errado eu sou aquele jogador que gosta de jogos f2p e gasta algumas centenas de reais em skins, minha conta no lol deve ter mais de 1000 reais em skin aeuhauehaueh (eu sei lol é moba e n rpg mas é so um exemplo). Só digo que prefiro jogos q te dão a escolha, onde a habilidade conta mais q o dinheiro q vc gastou, ou jogos q conseguem dinheiro atraves de skin e n de equips extremamente fortes.
            ja joguei jogos extremamente p2w, por exemplo getamped 1 e 2, me divertia e ate comprava alguns gears cash, mas toda semana lançava um gear mais apelao q a semana anterior, o que acabou diminuindo o meu interesse pelo jogo.
            pra terminar, digo q prefiro jogos B2P doq P2W, pois pelo menos a facada é menor e há equilibrio em questao de habilidade/cash.

            ps. n entendi a parte do quantas pessoas eu chego a conhecer na vida real atraves do jogo … ja conheci pessoas atraves de jogos como neopets e habbo e que se tornaram amigos de vdd ‘-‘ e olha que são jogos bem zuados.

          • Helder

            Aion… esse F2P sofre mais com o descaso da NCWest do que com a loja cash de fato.

            E não, não quis dizer das pessoas que se conhece na vida real por jogos, quis dizer que mesmo na vida real nós não chegamos a conhecer milhares de pessoas. Na verdade segundo Robin Dunbar nós só conseguimos manter 150 amigos mais ou menos. Então mesmo que o jogo tenha seus milhares e milhares, nós vamos conhecer um pequeno fragmento do mesmo, então eu acabo me importando mais com a sustentabilidade do que com os zergs.

            Segundo o site Massively esses são os 10 jogos atuais com as maiores chances de continuarem existindo por anos e com suas publicadoras trazendo sempre novidades:

            1- World of Warcraft: Legion
            2 – Final Fantasy XIV
            3 – The Elder Scrolls Online
            4 – EVE Online
            5 – Guild Wars 2
            6 – Runescape
            7 – Black Desert Online
            8 – Neverwinter
            9 – Star Wars: The Old Republic
            10 – Star Trek Online.

            E parabéns por ser um br consciente, nossa comunidade tem que amadurecer muito ainda.

          • Drakohx

            obg ^^ o problema de discussões inteligentes na internet é que algumas pessoas não sao abertas a discutir opiniões o que leva a uma agressividade que desencoraja o debate, fiquei ate assustado com os textões de resposta e nenhum palavrão aueuaheuhae.
            esse top 10 apresenta alguns jogos realmente grandes e q tem potencial, só achei estranho nenhuma menção ao POE :/, talvez a grande quantidade de jogos diablo-like esteja fazendo o publico perder o interesse …

    • Bela análise! Poderia ser um artigo mesmo hahahahaha Concordo inteiramente com você, tanto é que prefiro jogar jogos com mensalidade ou buy to play do que me deparar com itens pay to win e outros problemas, como bots e cheats — não que aconteça em jogos pagos, mas a incidência é bem menor.
      Parabéns pelo comentário!

      • Helder

        Você concorda comigo porque é um cara consciente. Me pergunto se a verdade dita nua e crua dessa forma chegasse para a maioria dos players Br’s, a quantidade de haters que eu iria conseguir kkkkkk. A verdade dói.

        Infelizmente, a realidade do nosso país é só uma mulekada sem noção, que só quer sugar. Quer jogar algo perfeito sem desembolsar 1 real; e além de não dar nada, ainda tem a audácia de ficar putinho porque o jogo vende alguma coisa. Se o que for vendido não for “vantajoso”, não vende, simples; só não enxerga a realidade quem não quer.

    • Harpuia

      tera é um jogo que considero free de verdade, farmar naquele jogo é a coisa mais facil do mundo. Ele se sustenta vendendo costumes e facilitando o farm de quem paga, mas se você não quiser pagar nada ainda sim pode ter tudo que o jogo oferece, até o vip e sem muita dificuldade.
      É melhor um jogo ser free de verdade e ter um público enorme do que ser pay to win e morto, pq um jogo free de verdade e com um bom público sempre tem alguém que paga alguma coisa

      • Helder

        Se você gosta do jogo, ele te diverte, beleza, independente do que eu ou alguém diga o que importa é sua diversão pessoal. Mas não, definitivamente Tera é bem longe de ser “free de verdade”. “Elite” no Tera libera para vender vários itens a mais no Brooker por personagem e sem pagar as taxas ainda, além do mais, esses tais “costumes” que você está se gabando, e outras coisitas mais, compra-se em dólar e vende-se em gold; então o costume comprado por dinheiro real influência no comércio do jogo; o que é isso jovem? Senão uma característica P2W?

        Eu já joguei muito Tera, é um jogo muito bom, mas pode se iludir a vontade, a verdade é que assim como qualquer outro produto precisa de dinheiro; adivinha como eu peguei todos meus itens na maior facilidade do mundo? Pagando Elite e administrando meus crafts com itens cash. Eu devo ter umas 10 asas Halloween até hoje no meu char bem como 2 daquelas skins raríssimas de AK-47, que na época acho que conseguia fazer trade com um cuzis até kkkkkkk. *Isso só de exemplo*

        Pode-se até conseguir igualar o nível sendo free, mas com muito, muuuuito mais ralação. Eu to fora disso, tenho uma vida pra cuidar, em vez de ficar sentado horas e mais horas na frente do PC pra ver o cara do seu lado passando poucas horas no jogo, se divertindo igual ou talvez até mais, e comendo pepekas com o tempo que sobra e ainda dando risada da sua cara kkkkk.

        • Harpuia

          Tera é um jogo free sim, mesmo se você tiver um set lixo ainda sim consegue derrubar caras com ilvl 430 tranquilo se tiver habilidade. As bgs do jogo possuem set equalizado, ou seja, depende unicamente de sua habilidade. Vendendo insanity badge você junta uns 50k por semana, isso jogando apenas 2 horas por dia.
          Os set pra participar das dungeons são fáceis de conseguir, permitindo voce com pouco tempo participar das dgs mais dificeis do jogo.
          O jogo possui vários eventos que te recompensam muito como kyra’s pop up, que inclusive já recebi uma asa de 200k.

          Montei meu reaper full conflate(set muito bom atualmente) esses dias e botei +12.

          • Helder

            Cara, independente. O Dinheiro real está lá. Ou você acha que quem tem os dólares no bolso pensam igual Br? Que só foca no free? Os caras compram até a mãe se tivesse no Cash Shop.

            Pelo que entendi a questão nem está no jogo, e sim no seu conceito de entender o que é “Pay to Win”. Pague pra ganhar é todo e qualquer jogo que dá vantagens para quem gasta dinheiro real, e isso o Tera tem muito, mas nem falo como crítica, tem que ter mesmo, assim como todo jogo que se diz “grátis”, independente das suas peripécias para fazer gold in game, o dinheiro real está no mercado do jogo.

            Se você gosta de Tera considera dar seu suporte mensal, porque se todo mundo pensar como você sabe o que vai acontecer? Tera abaixa as portas.

  • MMO Player

    Joguei esse jogo nos primeiros 3 meses, no começo realmente era bom, não era pay to win, agora semanalmente tem itens de cash novos na loja, um exemplo é um pet “lendário” onde os stats é ridiculamente mais forte que os meros mortais “free to play”, o pet chega a tanka até alguns bosses nas dungeons…. os benefícios vip é quase insignificante perto dos itens da loja cash.

    Na atualização que teve no mês de novembro acabou chutando 60% dos jogadores, já que nas novas dungeon lendárias, pessoas “normais” morriam em 1 hit pros mobs normais, nem chegando perto dos bosses… só quem era FULL CASH conseguia alguma coisa lá. Após perderem muitos jogadores modificaram as dungeons para mais fácil (após 3 semanas de guerra no fórum oficial), mas acho que um pouco tarde de mais, guildas inteiras deram quit do jogo, hoje em dia cada server tem praticamente 1 aliança (3 guilds com 50 jogadores cada) com jogadores ativos.

    A nexon usou de má fé e começou a colocar updates sem sentido, onde na versão koreana do jogo, esses updates vieram pra lvl 60+, a nexon colocou na versão ocidental dungeons lvl 60 pra lvl 40 tentar fazer(pros jogadores colocarem cash se colar, pra ficarem mais fortes e fazerem as dungeons).

    • Helder

      Essa é a realidade do F2P. Agora, dar suporte para empresas assim faz parte da realidade pessoal de cada jogador. Minha opinião pessoal é deixar todas definharem até a morte, em outras palavras, falir.

  • Castro MR

    Se não me engano, no lançamento da versão ocidental, postei sobre o jogo aqui, falando sobre o quanto o jogo estava interessante, pois além de suas propostas de up level rápido, da obtenção de pets, aliado a belos gráficos e uma comunidade relativamente grande naquele momento – o que realmente havia me motivado a postar foi a não interferência da Nexon (repito, naquele momento) no quesito balanceamento poder entre os players através da aquisição de itens cash. Passado aquele período, hoje posso afirmar com toda a certeza que – até o momento em que o lv máximo era 25 e passou para o 35, foi quando meus temores tornaram-se realidade. Uma verdadeira armadilha para promover o jogo. Hoje está indo para o lv mx 50. O cash, antes restrito a um punhado de caixas (baús) e um pergaminho premium passou a vender itens como, baús, itens para forjar armaduras lendárias e como bem disse o colega no post anterior, pets bombados lendários e itens buffs para craftar pets lendários com status totalmente fora da realidade. No jogo tem até uma moto (lendária) que destoa totalmente da proposta de jogo fantasia que teria uma história,(PS: onde entra a moto nessa história?). Mas isso não é o pior. As instâncias lendárias, com debuuf dos moobs, exigem players bombados e aí vem o contra-senso. Tem de estar muito forte pra pegar itens nas instâncias lendárias, preferencialmente equipado com lendário, aí eu pergunto: Para que serve instância lendária, se para entrar nelas tem de estar muito forte, de preferência com equipes lendários? E os drops das instâncias? Tem se estar muito forte para dropar os melhores itens. Então qual o sentido de ir nessas instâncias? A lógica seria a de que você vai (não tão forte) para dropar itens para se tornar mais forte), mas o que norteia este jogo é a vergonhosa tentativa da empresa em ‘empurrar goela abaixo’ itens cash para uma minoria, esta mesma minoria que tenta influenciar algumas ações no jogo através de posts no fórum, quase que sempre aprovando as medidas da Nexon. Para esses players cash o jogo é ótimo, já para a maioria que continuam à parar de jogar, a empresa pecou em não ouvir 90% dos players, quando ainda jogavam, estes mesmos players assim como eu que aprovam a venda de itens cash mais como cosméticos, aumento de xp e itens de buffs temporários e não itens que retiram todo o nivelamento de poder e de possibilidades no jogo. A Nexon, assim como sugou o que pode e acabou com o Atlântida Online (foi um dos melhores e mais aclamados jogo de mmorg de turnos) toma a mesma via de mão única com este riders of Icarus que tinha tudo pra ser um ótimo game.

  • O jogo deve estar uma merda tremenda, só pelos pelos textões que vi aqui. Lamentável, para um jogo em que eu tinha um mínimo de esperança de ser um grande jogo antes do lançamento.

    • Guilherme Henrique

      Eu jogo, e digo que você tá errado. Só acho que deveria ir lá e experimentar o jogo e tirar suas próprias conclusões, em vez de ir na conversa dos outros.

      • Já experimentei. Disse “merda tremenda”, pois se que o jogo já tá uma merda, na minha opinião, ou seja, está pior ainda. Cada um tem sua opinião, se você gostou do jogo, o problema é seu. Eu tenho todo direito de me expressar como bem entender.

  • Rabujento

    Textão ninguém lê né gente putz

    • Dirceu Barros da Silva

      hihihihi

  • Luiz Cláudio

    é agora é esperar o Revelation pra ver, espero que n pegue o mesmo rumo que o icarus kkkkkkkkkkkkkkk

  • a galera é inspirada quando o assunto é Rider of Icarus hein, primeira vez que ví um textão que não esteja no facebook e nem seja de feminista. haha

    • Guilherme Henrique

      Né, medo do grande concorrente … Bando de nego que só sabe criticar.

      • Marcelo Alves

        Medo do grande concorrente? wtf kkk, você deve ser uma pessoa muito legal

  • Harpuia

    nao sei pq esse jogo ficou conhecido, é totalmente genérico.

    Quests extremamente repetitivas
    mapa do jogo morto e sem interatividade nenhuma, só serve pra vc andar pra lá e pra cá enquanto faz as quests;
    animações pobre, por exemplo, quando seu personagem está segurando uma comida ela atravessa a mão dele;
    história sem graça,
    skills horríveis principalmente a do mago.

    • Guilherme Henrique

      Cara, vc realmente n jogou o jogo, falou, falou e só falou merda … Falar que esse jogo é pay to win, só pode ser burro.

    • Guilherme Henrique

      Agr que vi que é um hater fã de TERA, argumentar com criança é a mesma coisa que falar com a parede, tomara que players tóxicos como você não venha sujar a comunidade do riders of icarus …. Abraços.

      • Harpuia

        Oq tera tem a ver com meu comentário moleque? Joguei o game e foi isso oq achei dessa bosta, se não concorda foda-se

  • Guilherme Henrique

    N sei pq todo hater de riders of icarus que vejo é um jogador de TERA, isso é medo da concorrência? se manquem, vão jogar seu joguinho e larga de criticar.

  • Shogunyan

    Já que perdi o delay desta noticia segue abaixo uma receita deliciosa para acompanhar os textões :

    Bolinho de chuva radical do Shogunyan :

    2 ovos
    1 xícara de açúcar
    1 xícara de chá de leite
    2 xícaras e 1/2 de farinha de trigo
    1 colher de chá de fermento em pó
    3 colheres de sopa de açúcar
    1 colher de sopa de canela
    1 colher de chocolate em pó

    Misture todos os ingredientes até ficar uma massa mole e homogênea, numa
    panela com o óleo bem quente com uma colher vá colocando as bolinhas no formato do bolinho até ficarem douradas após isso retire-os.

    Recomendações : Acompanhado de café fresco fica uma belezura.

    Tchau gente até a proxima.