Microsoft compra Bethesda Softworks e Zenimax Media, responsável por jogos como The Elder Scrolls Online, por US$ 7,5 bilhões

Publicado em 21/09/2020 - 13h05 por Márlon Vieira

Em um anúncio que pegou todos de surpresa, a Microsoft revelou a compra da desenvolvedora Bethesda Softworks e de sua controladora Zenimax Media por US$ 7,5 bilhões. A Bethesda está por trás de inúmeras franquias de peso, incluindo The Elder Scrolls, Doom, Fallout, Wolfenstein, entre outros.

A compra da Zenimax Media também inclui diversos outros estúdios de desenvolvimento de jogos como a Bethesda Game Studios, id Software, ZeniMax Online Studios, Arkane, MachineGames, Tango Gameworks, Alpha Dog e Roundhouse Studios, responsáveis por jogos como The Elder Scrolls, Fallout, Wolfenstein, DOOM, Dishonored, Prey, Quake, Starfield e muitos mais. Até o momento, as empresas não confirmaram como isso poderá afetar o lançamento de futuros jogos da Bethesda para diferentes plataformas, incluindo Deathloop, que foi anunciado anteriormente como exclusivo temporário do Playstation 5 e PC. 

“A Bethesda foi um dos primeiros apoiadores do Xbox Game Pass, oferecendo seus jogos para novos públicos em todos os dispositivos. Sem contar com o investimento ativo em novas tecnologias de jogos, como streaming a partir da nuvem. Vamos acrescentar franquias icônicas da Bethesda ao Xbox Game Pass para console e PC. Uma das coisas que me deixa entusiasmado é ver o roadmap dos futuros jogos Bethesda. Alguns já anunciados e muitos ainda no planejamento. E falo de Xbox e PC, incluindo Starfield, o novo épico espacial em desenvolvimento pela Bethesda Game Studios”, disse Phil Spencer, presidente do Xbox. 

Para mais informações, visite esta página.