Black Desert gerou quase US$ 2 bilhões em receita desde 2014; jogo acumula mais de 40 milhões de jogadores

Publicado em 12/09/2020 - 09h11 por Márlon Vieira

No último dia 10, a Pearl Abyss comemorou seu 10° aniversário! Fundada em 2010, a desenvolvedora partiu de um pequeno estúdio para uma empresa global com centenas de funcionários e filiais em Taiwan, Japão e América do Norte. Enquanto isso, seu fundador, Dae-il Kim se tornou mais um dos bilionários da Coreia do Sul. 

Black Desert Online, carro-chefe da Pearl Abyss, gerou quase 2 bilhões em receita para a desenvolvedora desde seu lançamento em 2014. O título está disponível em 150 países e conta com mais de 40 milhões de jogadores no PC, Xbox One e Playstation 4. De acordo com o estúdio, 40% da receita veio da América do Norte e Europa, 26% da Coreia do Sul e os outros 34% de outros países asiáticos, incluindo Japão e Tailândia. 

Comentando sobre o sucesso do game, o CEO da Pearl Abyss, Robin Jung, disse que a decisão do estúdio de utilizar seu próprio motor gráfico interno permitiu a produção rápida de títulos e entrega de novos conteúdos em várias plataformas. 

Além de Black Desert Online, a Pearl Abyss também conta com Shadow Arena, um Battle Royale derivado de Black Desert, e Eve Online. A desenvolvedora está atualmente trabalhando ainda em Crimson Desert, um MMORPG de fantasia épico, DoKeV, um MMO em um mundo aberto vibrante, e Plan8, um MMO de tiro.