Com streamers parceiros, ExitLag estreia canal oficial na Twitch em 27 de fevereiro

Publicado em 10/02/2021 - 07h38 por Márlon Vieira

A ExitLag vai marcar presença também na Twitch, maior site de streaming de games do mundo. Em uma nova publicação no Instagram, a empresa abriu uma contagem regressiva para a abertura de seu canal oficial na plataforma, que contará com a presença ilustre de uma grande equipe de streamers parceiros, sendo eles: Pimenta Rosa, Jiraya do PvpLab, Hastad, Stolen, Nicks, KINGBR, Dilera, Rubini, Nattank, Tixinha, MahrioJR, Gragolandia, Thome e BlackOutz.

Sofrendo com lag em jogos online?
  • Experimente gratuitamente o ExitLag, programa usado por gamers profissionais, e diminua em até 70% o lag em jogos como Fortnite, Ragnarok, Counter Strike e mais. Não esqueça de utilizar o nosso código "MMORPGBR" para conseguir 20% de desconto. Clique aqui e aproveite!

É isso mesmo, a ExitLag está iniciando o ano com muitas novidades, e uma delas é a estreia do seu próprio canal na Twitch.tv (www.twitch.tv/exitlagbr), que acontecerá no dia 27 de fevereiro das 19h às 22h (horário de Brasília). No canal, a empresa vai trazer conteúdos diversos e gameplays de jogos variados. Os streamers e influenciadores parceiros do ExitLag ficarão encarregados pelas transmissões, que acontecerão todas terças, quintas e sábados com duração de 3 horas (das 19 às 22h). Na Twitch, a empresa também vai contar com uma lojinha bem recheada, mas não foram reveladas mais informações sobre isso. 

Para quem não sabe, a ExitLag é hoje uma das líderes do segmento de tunneling (redutor de ping) no mundo. Seu software é utilizado por milhares de jogadores profissionais de e-Sports de games como League of Legends, Counter Strike GO, DotA 2, Overwatch, entre outros. A ferramenta, criada por jogadores para jogadores e recomendada por Fallen, brasileiro e um dos principais nomes do cenário e-sport de Counter Strike: Global Offensive, conta com suporte a mais de mil games e diminui o lag de jogos online em até 70% com alguns passos simples. Você pode saber mais sobre a ferramenta aqui.