Devs do MMORPG Titan Reach prometem updates semanais e dão detalhes sobre as primeiras novidades

Publicado em 08/04/2021 - 07h26 por Yohan Bravo

É bem verdade que, apesar de prometer uma “nova visão sobre os MMORPGs clássicos”, Titan Reach tem chamado mais atenção por suas tentativas frustradas de financiamento do que pelas funcionalidades e outros atrativos “in-game”. Contudo, dessa vez, os devs da Square Root Studios conseguiram “virar notícia” por conta da apresentação de um novo pacote de conteúdo… vamos dar uma olhada no que está a caminho?

Para quem ainda não conhece a história, Titan Reach ficou conhecido por falhar no Kickstarter, falhar no IndiGoGo, tentar (sem muito sucesso) acumular recursos com uma loja online e, quando seu fim já havia sido decretado, entrar no regime Early Access. Pois é! O game foi disponibilizado no início de março, com uma dose bem limitada de conteúdo, mas segue vivo. E no mais novo post lançado pelos devs, algumas informações interessantes foram apresentadas. Para começar, a Square Root confirmou que o lançamento em acesso antecipado não foi muito favorável, por conta da existência de muitos bugs. No entanto, a equipe alegou que ficou feliz com o feedback coletado junto aos poucos players que estão experimentando a aventura.

Após resumir o primeiro mês de vida do jogo, os devs deram alguns detalhes sobre as novidades que serão adicionadas à aventura. Nesse sentido, eles prometeram que estão se ajustando para fazer updates em uma escala semanal e já adiantaram que as próximas atualizações trarão uma arena PVP “muito básica”, ajustes nos rates de XP e Gold, melhorias no mapa, um sistema de criação de personagens definitivo e novos itens. Em suma, Titan Reach parece estar começando a encontrar um rumo. Logicamente, como se trata de um game que vem surpreendendo de diversas formas, há um bom tempo, não creio que seja seguro dizer que o projeto vai ser lançado em breve. Isto é, aqueles que se interessaram pelas ideias do jogo devem continuar acompanhando as novidades com certa dose de ceticismo, para evitar frustrações.