Conheça “Profane”, primeiro MMORPG sandbox desenvolvido por brasileiros

Publicado em 01/06/2015 - 23h14 por

Não é todo dia que vemos um MMORPG promissor sendo desenvolvido em nosso território, como é o caso de “Profane“, MMORPG sandbox em desenvolvimento pelo estúdio brasileiro Insane Games.

profane-4

Inspirado em jogos clássicos como Ultima Online e Darkfall, “Profane” resgata e aprimora mecânicas consagradas e inova e renova mecânicas fracassadas de jogos anteriores. O game contará com tudo que um bom MMORPG sandbox pode oferecer, com jogadores possuindo liberdade total, PvP sem restrição de zonas (totalmente livre), construção de vilas e casas, Full Loot (todos os itens são derrubados ao morrer) e muito mais.

Principais recursos

PvP sem restrição de zonas

Em “Profane”, os jogadores poderão atacar e matar outros jogadores, no entanto terão que arcar com as consequências de suas atitudes, como por exemplo serem caçados e mortos por justiceiros (Anti-Pks).

Sistema de Karma

profane-3

O nome do personagem ficará em vermelho caso o karma seja negativo e azul caso seja positivo. Além disso, haverá distinção de Pk e Anti-Pk – facilitando sua identificação. Ao morrer, o jogador perderá todos os itens.

Sistema de casas

housingprofane

Os jogadores poderão coletar recursos da natureza para construir seus próprios abrigos para guardar itens. Esses abrigos podem ir desde simples casebres até castelos, e poderão ser construídas em praticamente qualquer lugar do mundo possibilitando o surgimento de vilas totalmente controladas pelos jogadores. As casas ainda poderão ser destruídas senão construídas em áreas de proteção.

Crescimento orgânico de recursos

O ambiente será visivelmente afetado pelos jogadores e seus vilarejos. Quando uma ou mais árvores derrubarem sementes próximas a elas, novas árvores cresceram ao seu redor e assim continuando o processo, até que um jogador a derrube.

Visite a página oficial do “Profane” no Facebook para mais informações.

“Profane” segue em desenvolvimento mas sem data de lançamento. O game será lançado para com o modelo de negócios free to play.

Não quer perder nenhuma notícia sobre MMOs? Então curta nossa página no Facebook.

Leia mais sobre: